SERVIDORES DE 23 ESTADOS E O DF COBRAM DE PRESIDENTE DO INCRA REESTRUTURAÇÃO QUE FORTALEÇA ÓRGÃO

PDFImprimirE-mail

IMG_1191_2Servidores do INCRA, representantes de 23 estados e o Distrito Federal, cobraram do presidente do INCRA, Celso Lacerda, um projeto de reestruturação que fortaleça a autarquia, durante a manhã desta quinta-feira (7/4), em evento em Brasília.

 

O palco dessa discussão foi o “Seminário sobre a Reestruturação do INCRA”, promovido pela Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público (Condsef) em parceria com a Confederação Nacional das Associações dos Servidores do INCRA (Cnasi).

 

Em resposta, Lacerda concordou e defendeu que o órgão precisa ser reestruturado e fortalecido, a fim de que possa melhor exercer suas atribuições. De acordo com o presidente, o momento é de repensar o INCRA para ser mais eficiente. “O INCRA se desgasta muito para atender um monte de atividades que a sua atual estrutura, de servidores, recursos financeiros, etc, não consegue realizar com eficiência”, afirma. Para Lacerda uma outra coisa que precisa ser alterada é seu relacionamento interno e externo, a fim de que suas ações possam ser melhor compreendidas.

 

O presidente do INCRA assegurou aos presentes que não existe nenhuma intenção de dividir ou esvaziar o INCRA. “Claro que algumas atribuições específicas que oneram o órgão em termos financeiros e recursos humanos, como o Crédito Habitação, podem sofrer alterações. Tem superintendência regional que 60% das atividades dos servidores estão ligadas diretamente a essa ação”, afirma. 

 

Lacerda afirmou que vai tentar junto ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) a ampliação do prazo do dia 25 de abril para o repasse de proposta de reestruturação do INCRA.

 

Reivindicações

 

Os servidores do INCRA fizeram criticas e sugestões a Lacerda sobre a estrutura regimental do órgão, gestão de superintendentes, falta de planejamento das ações, falta de adequação das políticas realizadas pelo INCRA as peculiaridades locais e regionais, deficiência da estrutura física das superintendências e unidades avançadas, bem como quanto às indicações políticas para cargos de chefia.

 

Houve ainda destaque, pelos servidores, em relação a melhoria do plano de carreira da categoria, ampliação da remuneração, valorização do quadro efetivo do órgão, melhoria no assessoramento jurídico para defender o INCRA e servidores, alem de combater a ingerência na autarquia.

 

A direção da Cnasi repassou oficialmente a Lacerda, durante o Seminário, copia de “Proposta de Revisão da Estrutura Regimental do INCRA”, realizada em dezembro de 2003.  Esse material foi realizado por determinação da direção do INCRA por empresa especializada, com participação de servidores, em oficinas realizadas em todo o Brasil, durante cerca de seis meses. Lacerda disse que desconhecia o material e que vai repassá-lo como subsidio ao grupo que está montando a proposta de reestruturação do INCRA.

 

Plenária

 

Durante a tarde, houve relatos dos representantes dos Estados sobre atuações e impressões dos servidores em relação às propostas de reestruturação, as condições de trabalho nas superintendências regionais e unidades avançadas, fassincra, entre outros temas.

 

Nesta sexta-feira (8/4), tem sequencia as discussões focadas na pauta reivindicatória dos servidores, relacionadas ao fortalecimento do INCRA, durante a “Plenária Setorial do INCRA”. Plano de lutas e calendário de atividades, entre outros temas, serão discutidos e definidos pelos servidores na data. Remuneração e reestruturação de carreiras também serão discutidos nesta sexta-feira. (Material atualizado às 14h18min, de 12.04.2011) 

 

Fonte: Ascom Cnasi  

Comentários  

 
0 #2 Reivindicação (Faz)PEDRO SOARES LOPES 11-04-2011 17:08
Nós servidores do INCRA-MG, solicitamos todo empenho do Sr. Presidente do INCRA, no sentido de trazer novamente para dentro desta Autarquia Federal, as atribuições de Órgão executor da Regularização Fundiária de Grandes, médias e pequenas fazendas, localizadas fora dos Projetos de Assentamentos, porque entendemos que a criação de um novo Órgão Federal, somente com esta finalidade, com servidores do Incra e funcionando dentro dos prédios das Superintendenci as Regionais, irá fatalmente esvaziar o Incra, de seus servidores e cauzar o enfraquecimento do mesmo, e não o seu fortalecimento, como está sendo proposto para sua reestruturação; aliás, o enfraquecimento da autarquia, já está acontecendo na Amazônia Legal, para viabilizar o programa de governo Terra Legal, ok?
Citar
 
 
0 #1 SR-03Altair 11-04-2011 12:43
Espero que esse novo Presidente tem a coragem de colocar técnicos nas superintendênci as. Aqui na SR-03/PE, o Sperintendente é um analfabeto que só pensa em "comer" as contratadas e estagiárias, e um Administrador que rouba adoidado, e sustenta os seus "cumpadres" com diárias. É uma zona isso aqui.
Citar
 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Blogs das Regionais

Links Úteis

sindsepdfasseraincracutfassincracnasi_lutas