Ter, 10 de Dezembro de 2019 20:23

EM PERNAMBUCO DEBATE DOS SERVIDORES DO INCRA APONTA PARA A REORGANIZAÇÃO DA CATEGORIA

Escrito por  Associação dos Servidores do Incra em Pernambuco
Classifique este artigo
(0 votos)

A reorganização da categoria dos servidores do Incra em todo o país passa necessariamente pela integração dos profissionais do órgão com demais trabalhadores do Brasil, como forma de unir força para combater os ataques ao Serviço Público brasileiro e a Reforma Administrativa anunciada pelo atual Governo.

 

Essa, foi uma das avaliações a que chegaram os servidores do Incra – ativos e aposentados -, participantes do debate sobre as reformas aplicadas pelo Governo e as perdas de direitos que a categoria do Serviço Público brasileiro vem sofrendo. O evento foi promovido pela Assincra/PE, CNASI-ASSOCIAÇÃO NACIONAL e Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado de Pernambuco (Sindsep-PE) em Recife, no auditório da Superintendência Regional em Pernambuco, no dia 20 de novembro de 2019. Representantes do Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado da IMG 7718 2Paraíba (Sindserf/PB) participaram do evento, também em apoio à série de debates que a CNASI-AN vem realizando pelo país.

 

Os diretores da CNASI-AN José Carlos de Oliveira e Reginaldo Marcos Aguiar fizeram apresentações de informações, dados, avaliações da entidade, bem como debateram os diversos assuntos relacionados à temática central do evento. Com ampla participação dos servidores presente ao evento, o debate foi caloroso, com resgate de atuação dos profissionais do Incra em Pernambuco que historicamente têm atuado na luta pelas políticas públicas realizadas pelo órgão, pelo fortalecimento da autarquia e valorização do quadro de trabalhadores. De aposentados a jovens servidores do Incra as avaliações direcionaram as ações futuras na junção de objetivos, ações, entidades representativas na defesa do Serviço Público brasileiro e a contra a Reforma Administrativa anunciada pelo atual Governo.

 

No aspecto regional, das peculiaridades e dificuldades da Superintendência Regional do Incra em Pernambuco, o que chamou a atenção da diretoria da CNASI-AN foi a grande quantidade de aposentadorias ocorridas no ano de 2019, pois cerca de 80 servidores se aposentaram, deixando o quadro com apenas 100 profissionais na ativa. Outro aspecto relatado no debate foi a relação conflituosa do superintendente anterior – um policial militar sem nenhuma qualificação para exercer qualquer cargo no Incra que além de criar problemas diversos aos servidores e a Assincra/PE, acabou com o restaurante que existia nas dependências da Regional e com o fornecimento de água potável para os profissionais da Superintendência. No âmbito nacional o PM-superintendente ficou conhecido pela desastrosa tentativa de reintegração de posse do principal centro de formação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) no assentamento Normandia, no município de Caruaru (PE). O centro conta com três agroindústrias, 52 alojamentos, salas de aula, auditório para 700 pessoas, centro comunitário, quadra esportiva, academia pública para atividades físicas, creche e refeitório. A ação ganhou rejeição nacional e internacional e terminou sendo suspensa liminarmente pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5).

 

Avaliação da Cnasi
Os servidores do Incra em Pernambuco estão em uma boa condição em termos de estrutura física / predial, pois embora o prédio principal seja uma centenária casa esta e os demais estão conservados e atendem adequadamente os profissionais e público do órgão.

 

A falta de água potável obriga servidores a se cotizarem para comprar galões do produto, bem como a inexistência de restaurante no complexo do Incra/PEIMG 20191120 084019036 3 cria dificuldade logística aos profissionais, pois têm eles que se deslocar a outros locais para se alimentar no almoço. Esses problemas de gestão aumentam as despesas dos servidores com água e comida, já que o custo da refeição nos restaurantes da região é bem maior. CNASI-AN e Assincra/PE solicitam aos gestores que providenciem melhorias de condições aos servidores, em termos de fornecimento de água potável e restaurante no complexo do Incra/PE.

 

Quanto ao debate e deliberações sobre a atuação dos servidores e entidades representativas no combater os ataques ao Serviço Público brasileiro e à Reforma Administrativa anunciada pelo atual Governo, a avaliação é positiva, pois no Incra em Pernambuco o histórico perfil de atuação forte e contundente foi mantido. Os servidores e lideranças locais reafirmaram a disposição em atuarem, juntamente com demais órgãos, na defesa do Serviço Público e buscarem seguir os calendários de mobilização definido pelas centrais dos trabalhadores, chancelado pela CNASI-ASSOCIAÇÃO NACIONAL.

 

Saiba AQUI mais sobre debates que CNASI-AN realiza pelo país.

 

Fonte: Cnasi-AN

Última modificação em Ter, 10 de Dezembro de 2019 20:37
Associação dos Servidores do Incra em Pernambuco

Últimas de Associação dos Servidores do Incra em Pernambuco

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

voltar ao topo